quarta-feira, 25 de abril de 2018

PALITINHOS DE RICOTA LIGHT



250g de ricota fresca amassada
4 colheres (sopa) de farelo de trigo ou farelo de aveia
2 gemas
1/2 colher (sobremesa) de fermento em pó
3 colheres (sopa) de iogurte natural desnatado
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de temperos desidratados (alho, cebola, salsa)






Modo de Preparo:
Deixe a ricota bem amassada. Em seguida misture todos os ingredientes até que a massa fique homogênea.
Despeje a massa de ricota em um saco plástico, corte a pontinha e faça palitos sobre uma assadeira antiaderente. Leve ao forno (180ºC) por mais ou menos 25 minutos ou até ficar dourado.


segunda-feira, 23 de abril de 2018

BISCOITO DE FEIJÃO BRANCO COM COCO


Ingredientes:
3 xícaras de feijão branco cozido e escorrido (deixar de molho de véspera e cozinhar na pressão por 30min)
2 xícaras de coco ralado (seco ou natural)
2 colheres (sopa) de óleo de coco da praia (não o de palmiste, pois queremos o sabor do coco)
1 xícara de açúcar orgânico, demerara ou mascavo
1/2 xícara de raspas de chocolate meio amargo
2 xícaras de aveia em flocos média
3 colheres (chá) de bicarbonato de sódio
1/2 colher (chá) de cravo em pó
1/2 colher (chá) de gengibre em pó
1/2 colher (chá) de louro em pó ou cozinhar o feijão com as folhas (para evitar a constipação)




Modo de Preparo:
Processe ou bata no liquidificador o feijão cozido. Adicione o açúcar e o óleo de coco. Misture. Coloque a massa em uma bacia e adicione os demais ingredientes, sendo por último o fermento. A aveia é somente para dar consistência e conseguir formar os biscoitos. Talvez use mais ou menos, dependendo do cozimento do feijão. Contudo, a massa não precisa ficar bem dura, apenas o suficiente para moldar os biscoitos.

Fonte: https://saborgengibre.com/2016/08/02/iogurte-com-damasco-e-ameixa-2/

sábado, 21 de abril de 2018

TORTA INTEGRAL COM MOUSSE DE ABACAXI



Ingredientes:
2 xícaras de farinha de trigo integral
1 xícara de açúcar mascavo (só vai funcionar se for com açúcar mascavo)
2 gemas
100g de margarina light

Modo de Preparo:
Amasse bem todos os ingredientes da massa até dar liga.
Se precisar, adicione gotas de água até adquirir uma bola de massa. Esse é o ponto. A massa não pode ficar com aspecto esfarelado.
Abra a massa com um rolo.
Distribua a massa sobre uma forma com fundo removível e espalhe sobre o fundo e as laterais.
Leve para assar em forno preaquecido (180ºC) por aproximadamente 20 minutos.
Deixe esfriar. Reserve.








Mousse de abacaxi:
Ingredientes:
1 pacote de gelatina sabor abacaxi
1 xícara (chá) de leite morno
1 vidro de leite de coco
1 lata de leite condensado

Modo de Preparo:
Dissolva a gelatina no leite. No liquidificador, bata o leite de coco, o leite condensado e a gelatina dissolvida. Distribua sobre a massa e leve à geladeira até firmar. Sirva gelado.

Dica: coloque pedaços de abacaxi cozido à receita, fica ótimo!



quinta-feira, 19 de abril de 2018

CHIPS DE BERINJELA COM MOLHO TAHINE



- Para a Berinjela:
Ingredientes:
1 berinjela grande
1 litro de água
2 colheres (sopa) de sal
⅓ de xícara (chá) de azeite

Modo de Preparo:
1. Numa tigela grande, misture a água e o sal.
2. Lave e seque bem as berinjelas. Com um mandolin ou uma faca bem afiada, corte em rodelas bem finas e transfira para a água salgada. Coloque um prato na água para servir de peso e manter as rodelas submersas. Deixe de molho por 30 minutos.
3. Preaqueça o forno a 180º C (temperatura média). Retire as rodelas de berinjela da água e seque com um pano de prato limpo.
4. Distribua as rodelas em uma camada única, em uma ou mais assadeiras, de preferência antiaderente. Pincele os dois lados com azeite.
5. Leve ao forno para assar por 10 minutos. Retire a assadeira do forno (lembrando de fechar a porta para não esfriar!) e, com ajuda de uma espátula, vire as rodelas com cuidado. Volte para o forno e deixe assar por mais 10 minutos, até dourar.



- Para o Molho Tahine:
Ingredientes:
2 colheres (sopa) de tahine (pasta de gergelim)
1 dente de alho pequeno
2 colheres (sopa) de água
1 colher (sopa) de caldo de limão
QB de sal

Modo de Preparo:
Enquanto a berinjela assa, prepare o molho: descasque e pique fino o alho; transfira para uma tigela, misture o tahine, a água e o caldo de limão, até ficar liso. Tempere com sal, transfira para uma molheira e sirva com os chips de berinjela.


terça-feira, 17 de abril de 2018

OVOS EM NUVENS



Receita de Rachel Ray
Ingredientes:
4 ovos
1/4 xícara de queijo pecorino-romano ralado
1/4 xícara de cebolinha picada
1/4 xícara de bacon picado e frito
QB de sal e pimenta




Modo de Preparo:
Separe os ovos, coloque as claras em uma tigela grande e as gemas  em 4 tigelas pequenas separadas. Bata as claras até que os picos duros se formem. Acrescente o queijo, cebolinha e bacon, misture delicadamente. Com o auxílio de uma colher faça 4 montes numa assadeira forrada com papel manteiga; faça um buraco no centro de cada um. Asse a 230ºC, por 3 minutos, em seguida coloque  1 gema para cada poço; tempere com sal e pimenta. Asse até que as gemas estejam prontas, 2 a 3 minutos.

Observações: Fiz com 1 ovo e coloquei cebola picadinha, queijo parmesão ralado, salame picado e polvilhei cebolinha na hora de servir, conforme fotos.



domingo, 15 de abril de 2018

TIPOS DE OLEAGINOSAS, BENEFÍCIOS E COMO CONSUMIR!


Existem muitos tipos de oleaginosas sendo vendidas, e elas vem em uma variedade de formas: com ou sem casca, integrai, raladas, em grãos, crus, torradas, salgadas, açucaradas, temperadas, ou simples. A maioria das oleaginosas também tem versões prensadas usadas para fazer óleos, manteigas, e farinhas.

Oleaginosas sem casca torradas são um tipo de fritura, e a gordura usada é muitas vezes o óleo de coco. O processo pode adicionar algumas boas calorias no processo de fabricação. Oleaginosas torradas são geralmente muito salgadas, também, embora você possa encontrar variedades sem sal. É possível torrar oleaginosas em casa sem gordura.

Oleaginosas secas torradas também podem ser compradas no supermercado. Elas não são fritas em óleo, mas tem uma quantidade ligeiramente menor em calorias e gordura do que oleaginosas torradas com óleo. Quem vai comprar oleaginosas deve tomar cuidado com ingredientes como xarope de milho, açúcar, amido, glutamato monossódico e conservantes.

Oleaginosas: lista completa
Para facilitar os interessados a completarem suas dietas com oleaginosas, listamos as principais espécies consumidas no Brasil. Muitas vão ficar de fora da lista, infelizmente. Vamos então à lista.
Existem dezenas de tipos de oleaginosas. Listamos as principais consumidas no Brasil. (Foto: Rachel Feldman)

- Oleaginosas e espécies representativas: bolotas:
Um alimento básico na dieta dos nativos americanos, as bolotas ainda são colhidas da natureza, e não são cultivadas. Bolotas de carvalhos vermelhos precisam ser descascadas e embebidas várias vezes na água para remover sabores amargos. As bolotas de carvalhos brancos são menos amargas e não precisam de ser embebidas. Em ambos os casos, as bolotas devem ser torradas. Seu sabor é semelhante ao das avelãs. Para quem não sabe o que são bolotas, basta assistir a Era do Gelo ou os desenhos que tenham esquilos. A sementinha que eles carregam com eles é uma bolota.

- Oleaginosas: amêndoas:
Um parente dos pêssegos, damascos e ameixas, as amêndoas tem inúmeros benefícios nutricionais e são vendidas em muitas formas. São também fáceis de usar em receitas de leite vegetal, o que as tornam ótimas opções para dietas vegetarianas e veganas.

- Sementes de faia:
A faia é um membro da família da bolota e da castanha, produzindo um tipo de fruto com rebarbas avermelhadas abrigando duas pequenas sementes triangulares. Elas tem gosto semelhante às nozes.

- Castanha do Pará:
Doce e rica de sabor, a castanha do Pará tem uma consistência semelhante à da carne de coco e são carregadas com selênio. Este nutriente, em grandes quantidades, pode causar danos sérios ao seu organismo. O recomendado é limitar o consumo a 1 castanha por dia.

- Sementes de abóbora:
Ganhando popularidade nos últimos anos, as sementes de abóbora tem se tornado uma ótima e nutritiva opção de lanchinhos saudáveis e com poucas calorias. Agora, maneire no consumo, pois o excesso de sementes de abóbora pode causar uma séria prisão de ventre.

- Castanha de Caju:
A maioria dos cajus são importados da Índia e do Vietnã, com algumas poucas produções diretamente do Brasil. Os cajus são sempre vendidos sem casca porque suas conchas contêm um óleo cáustico relacionado à hera venenosa. De fato, as castanhas do caju devem ser cuidadosamente extraídas para evitar a contaminação com este óleo. As castanhas de caju são vendidas cruas, torradas ou assadas a seco. Cajus são uma boa fonte de ferro, magnésio, zinco e vitamina E. Tem menos gordura total do que a maioria das oleaginosas e sementes, mas são relativamente ricos em gordura saturada.

- Castanhas:
Castanhas são redondas, lustrosas, com cor de mogno e formadas dentro de uma cápsula espinhosa com rebarbas, que se abrem quando as castanhas estão maduras. Rica e carnuda, elas são uma excelente opção para purês e servir amassadas, como batatas.

- Cocos:
Ao contrário da maioria das oleaginosas, a casca de coco não contém um núcleo interno. Em vez disso, a própria concha é revestida com uma camada de rica “carne branca”, e a cavidade no centro do coco é preenchida com um líquido aquoso, ligeiramente doce que pode ser usado como uma bebida. Todo o teor de gordura substancial do coco é saturado. O óleo de coco, usado em muitos alimentos processados, é o mais altamente saturado de todos os óleos vegetais. Além disso, o coco tem poucos recursos de vitaminas ou minerais além da fibra. Você pode comprar cocos inteiros e quebrá-los você mesmo, ou escolher entre vários tipos de cocos processados: triturados e secos (que vem adoçados ou sem adoçar) ou prensados para produzir o leite de coco. A carne de um coco jovem é macia o suficiente para ser comida com uma colher.

- Sementes de Gingko:
A árvore do Gingko produz uma fruta redonda, de cor laranja-avermelhada, semelhante a uma ameixa. Quando maduro, o fruto se abre para revelar uma concha prateada contendo uma única sementa, que é cercada por tecido não comestível. O próprio fruto libera ácido fétido, mas a semente é muito apreciada, especialmente pela medicina e culinária chinesa. Uma vez descascadas, as sementes do Gingko devem ser embebidas na água para remover o tecido macio ao redor delas antes de comer. Elas também estão disponíveis enlatados.

- Avelãs:
Avelãs são oleaginosas doces em forma de bolota que tem uma casca externa longa e que se abre à medida que a semente amadurece, revelando uma casca dura e lisa.

- Amendoim:
Um popular lanche no Brasil, principalmente durante as festas juninas e julinas, o amendoim pode ser consumido cru, torrado, salgado, doce, e de muitas formas diferentes. Pode ser acrescentado nas mais diversas receitas e vitaminas.

- Pistaches:
Essa pequena semente é protegida por uma casca dura entreaberta. Pode ser consumido das mesmas formas que o amendoim, e tem um sabor suculento, ideal para diversas receitas. Assim como o amendoim, pode ser consumido salgado ou doce.

Oleaginosas: como consumir?
Você pode consumir as oleaginosas de diversas formas diferentes: cruas, torradas, cozidas, trituradas, fatiadas, misturadas em shakes e vitaminas, em patês, molhos, e diversas receitas no seu dia a dia. A quantidade ideal de oleaginosas é de 20 g por dia, mas seu nutricionista pode recomendar uma quantidade diferenciada.

Maiores informações no site abaixo:
Fonte:  Matéria e imagem https://www.saudemelhor.com/tipos-oleaginosas-beneficios-consumir/

sexta-feira, 13 de abril de 2018

PUDIM DE COLOMBA PASCAL, CAQUI E PASSAS


Ingredientes:
150g de colomba pascal em pedaços médios (ou pão doce)
2 caquis moles (ou duas maçãs, ou bananas)
2 ovos
1 xícara de leite
3 colher (sopa) de açúcar (ou de acordo com sua preferência)
1 punhado de passas




Modo de Preparo:
Retire a polpa do caqui e misture grosseiramente com a colomba. Coloque essa mistura em um refratário pequeno untado com manteiga. Espalhe as passas por cima. Bata o leite com o açúcar e despeje essa mistura sobre a colomba no refratário. Leve ao forno e asse até começar a dourar. Sirva morno.

Observações: usei um pão doce integral recheado e açúcar mascavo, conforme fotos.

Forno: http://kafkanapraia.blogspot.com.br/2011/05/pudim-de-colomba-pascal-caqui-e-passas.html

quarta-feira, 11 de abril de 2018

CACHORRO QUENTE DE CENOURA


Ingredientes:
¼ de xícara de shoyu
2 colheres (sopa) de óleo de gergelim
1 alho picado
1 pitada de cominho, pimenta caiena e páprica
7 cenouras baby
1 colher de sopa de alho picado
1/2  pimentão amarelo
1/2 pimentão vermelho
QB de extrato de tomate
1 pitada de sal






Modo de Preparo:
Primeiro, misture o shoyu, o óleo de gergelim, o alho, a pimenta caiena, o cominho e páprica
Como isso, marinando por meia hora nessa mistura.
Para o molho do cachorro quente, esquente-se e adicione-o a dourar
Acrescente a cebola e o alho e frite um pouco, acrescente o pimentão vermelho, o amarelo e mexa bem.  Por último, acrescente o extrato de tomate e uma pitada de sal e deixe cozinhar por alguns minutos até apurar.
Numa frigideira em fogo médio, coloque as cenouras junto com o molho no qual estava marinando e deixe cozinhando até as cenouras absorverem toda a marinada.
Coloque as cenouras dentro do molho e deixe cozinhar por alguns minutos.
Recheie os pãezinhos e sirva.

Fonte:  http://gnt.globo.com/receitas/receitas/cachorro-quente-de-cenoura.htm

segunda-feira, 9 de abril de 2018

ROCAMBOLE DE CLARAS RECHEADO COM MANGA


Ingredientes:
- Rocambole:
6 claras
12 colheres (sopa) de açúcar
QB de açúcar de confeiteiro para desenformar

- Recheio:
1 manga grande
1 colher (chá) de sumo de limão
QB  de açúcar (se necessário)






Modo de Preparo:
- Rocambole:
Em uma tigela, bater como claras em neve e adicionar o açúcar aos poucos até obter um merengue firme.
Dispor em uma forma untada e forrada com papel manteiga e assar por 20 minutos em forno preaquecido a 180º C.

- Recheio:
Coloque a manga em pedaços no copo do processador/liquidificador e o sumo de limão e o açúcar se necessário e bata até forma um purê. Leve para gelar até rechear.

- Montagem:
Depois de frio, desenformar em um pano polvilhado com açúcar de confeiteiro, dispor o purê de manga e enrolar como um rocambole.
Finalizar queimando com um maçarico.

Fonte: http://amp.tastemade.com.br/videos/rocambole-de-claras.html

sábado, 7 de abril de 2018

ROLOS DE PEPINO RECHEADO COM CREME DE ABACATE



Ingredientes:
1 pepino  japonês

- Creme:
QB de abacate
QB de cebola roxa picadinha
QB de sumo de limão
QB de sal e pimenta caiena
QB de azeite



Modo de Preparo:
Lave e seque o pepino.
Corte em fatias finas, com auxílio de um mandolin.

- Creme:
Amasse o abacate com um garfo.
Acrescente a cebola,  o sal, a pimenta, o sumo de limão e o azeite.

- Montagem:
Coloque sobre a fatia de pepino, com uma colher, o creme de abacate e espalhe.
Enrole delicadamente.
Sirva.


Super Ofertas para você!